terça-feira, 14 de dezembro de 2010

O Senhor dos Anéis, O Livro

"Três Anéis para os Reis-Elfos sob este céu, Sete para os Senhores-Anões em seus rochosos corredores, Nove para Homens Mortais, fadados ao eterno sono, Um para o Senhor do Escuro em seu escuro trono, Na Terra de Mordor onde as sombras se deitam. Um Anel para a todos governar, Um Anel para encontrá-los, Um Anel para a todos trazer e na escuridão aprisioná-los, Na Terra de Mordor onde as sombras se deitam"


Se pergunto: Qual é o livro mais comprado, fora a Bíblia, na história? A resposta para tal pergunta é... O Senhor dos Anéis. Escrito na última metade do século XX por J. R. R. Tolkien. Seu autor demorou mais de uma década para concluir essa obra. O Senhor dos Anéis é uma das obras-primas da literatura mundial. Quem apenas viu os filmes (diga-se de passagem são muito bons) tem uma visão generalista do mundo criado por Tolkien e, portanto, não sabe o quanto esse universo é absurdo de grande e detalhista. J. R. R. Tolkien era professor titular da Universidade de Oxford, Inglaterra, de mitologia e línguas antigas, o que explica o porque da criação de uma língua para os elfos tão complexa e com uma gramática própria (um estudo simplista dessa gramática é encontrado em anexo no livro). Tolkien desenvolveu uma mitologia única nos três volumes desse livro: A Sociedade do Anel, As Duas Torres e O Retorno do Rei. Sua mitologia é tão requintada que é alvo de estudos e teses de doutorado.

Após ler as mais de 1000 páginas o que você acaba encontrando é um mundo que, de tão detalhadamente descrito, poderia ser realmente real e o livro passa de uma ficção infanto-juvenil para um relato histórico de uma era a muito esquecida. O Senhor dos Anéis é um livro feito de detalhes e é esta a maior marca da escrita de Tolkien: o detalhamento absurdo dos fatos e ambientes. Então, se você realmente quer ler este livro saiba que vai ler duas páginas de descrição para cada novo local, indivíduo e fato. Tolkien é capaz de passar diversas páginas descrevendo a direção do vento, o movimento das folhas e nuvens no céu, o ruído da dilatação dos objetos na sala devido ao esfriamento da noite e aquecimento conforme o sol se levanta somente para que o leitor sinta-se realmente lá, vivenciando aquele instante. É uma leitura pesada, não pelo vocabulário, mas pelos detalhes, então tenha muita paciência com ele. Digo que realmente vale a pena ler O Senhor dos Anéis. Ver somente os filmes não dá o verdadeiro sentimento de estar dentro daquele momento. Daqueles anos na Terra Média. Os filmes foram muito bem produzidos e dirigidos. O roteiro que adaptou o livro não poderia ter ficado melhor, porém, insisto: a leitura desse livro é outra coisa. Uma experiência muito boa. Sentir medo pelos hobbits fugindo dos nove Nazgûls. Ri das dispustas de Legolas e Gimli. Sentir repúdio e, logo em seguida orgulho, de Boromir. Felicitar-se pelo retorno do rei. Chegar ao fim daquelas mais de 1000 páginas depois de seis meses de leitura é absurdo de bom!

O Senhor dos Anéis não é apenas uma história sobre criaturas estranhas, numa terra estranha, querendo salvar o mundo. É mais que isso! É sobre a capacidade de manter-se firme ante as tentações de caminhos que não devem ser trilhados. É sobre o real signifcado da palavra "amigo". É sobre queda e redenção. É uma história de heróis e reis. Tiranos e magos. Proporciona bons momentos de uma grande leitura. O Senhor dos Anéis traz em suas páginas momentos épicos de uma aventura inesquecível.
Li O Senhor dos Anéis quando cursava o meu oitavo ano do primeiro grau. Sem dúvida é uma leitura da qual todo garoto deve compartilhar nessa faixa etária: entre 12 e 15 anos. Deixa a mente viva e aberta para a fantasia. Faz as mentes mais apuradas refletirem sobre boas questões da vida... na verdade sobre o próprio valor da vida.... sobre caráter, bondade e heroísmo. Alguns personagens desse livro ainda são meus heróis!

Sou um fã da literatura de fantasia (especialmente a medieval) e O Senhor dos Anéis é meu livro de cabeceira. Aconselho todo e qualquer ser humano a lê-lo. E acredite ou não, ainda quero lê-lo mais uma vez.

"Muitos que vivem merecem morrer. Alguns que morrem merecem viver. Você pode lhes dar a vida? Então não seja tão ávido para julgar e condenar alguém a morte, pois mesmo os mais sábios não podem ver os dois lados"

                           - Gandalf.

"O elogio que vem daquele que merece o elogio está acima de todas as recompensas"

                          - Faramir.


7 comentários:

Thai disse...

"Então, se você realmente quer ler este livro saiba que vai ler duas páginas de descrição para cada novo local, indivíduo e fato...`" Isso é verdade!

Ahh, deve ser um ótimo livro mesmo, pena que vi os filmes e lembro deles enquanto leio. Ai fica passando o filme na mente em câmera lente, é irritante ^^

Hey, vai reler o livro mesmo?? *-*
Tenho esperanças de ler o Harry novamente tbm... Só pra ver cada detalhe importante novamente =p
Beijos

Sybylla disse...

Uma das minhas sagas prediletas. E eu li na sequência, Silmarillion primeiro e depois O Senhor dos Aneis. Um clássico da literatura que deveria ser mais lido do que assistido.

ABraço!

Ana disse...

Nossa parece que é uma história incrível, nunca vi os filmes mas com certeza quanto estiver mais de tempo vou tentar ler.

Tom disse...

Sybylla,

Poxa, eu comecei a ler o Simillarion, mas tive que devolver para um amigo e... eu enrolei pra ler tbm.... óò

rsrsrssrs

Abraço

Tom disse...

Ana,

É realmente uma história incrível! *-*

Leia e só depois veja os filmes!

Bem-vindae abraços!

Gutox disse...

Tolkien,o Melhor;FATO

Apaixonados disse...

Tolkien,o Melhor;FATO [2]

Tom

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Clavedelua. Tecnologia do Blogger.