sexta-feira, 29 de abril de 2011

Diz Que Fui Por Aí, Com Um Violão, Debaixo do Braço...

Desde que aprendi a tocar minhas primeiras notas... meus primeiros acordes, o violão tornou-se meu grande companheiro. Para todas as horas é nele que concentro meus momentos de reflexão, de solidão, de alegria e até mesmo os momentos de tédio. Não há nada para fazer... por quê não ir fazer uma visita ao meu violão? Tive um dia muito bom com a Thai, então vou cantar! Briguei com irmãos e pais não há nada mais abreviador do sofrimento do que passar alguns minutos na companhia dele, meu violão.

Sabe, ele escuta, bem quietinho, todas as minhas queixas sobre a vida. Ele escuta, bem silencioso, todos os meus risos. E depois que desabafo ele me consola com melodias que lêem meu coração e pensamentos. Acordes fortes e repletos de alegria preenchem o quarto quando estamos felizes! Ele é uma das poucas pessoas/ coisas capazes de entender o que sinto. Separar-me dele já é inconcebível para mim.

Em suas cordas meus dedos deslizam esperando ouvir palavras de alento. Com as mãos o faço cantar comigo para alegrar-me e eu sei que ele adora quando eu o procuro. Meu violão conhece meus pesadelos e sonhos. Meu violão conhece minhas lágrimas. Meu violão conhece meus sorrisos sinceros. Meu violão é meu diário...

6 comentários:

Dona Lô disse...

Incrível o poder da música, não?
Durante alguns anos meu violão (melhor, do meu pai que eu dedilhava) também foi um ótimo companheiro. Depois, o coral, onde eu soltava a voz, se tornou meu escape. Hoje me contento em ouvir ou cantarolar pelos cantos da casa.
Mas, eu ainda, em qualquer esquina, em qualquer botequim... Você sabe.

Atena disse...

Tom:
Que diário lindo você tem.
Quando eu era adolescente andei tocando um pouquinho e considerava o violão tão meu amigo (quase gente) que até dei nome pra ele. Era o Maneco. rsrs
abração

Apaixonados disse...

Anjo, que ótimo diário mesmo!
É lindo observar o quanto um instrumento ilumina uma vida.
Amo-te.
=*
Thai

Tom disse...

Dona Lô,

"e se tiver motivo... é mais um samba que faço"!
rsrsrsrs

A música é sem dúvida uma das poucas coisas de fato divinas no mundo!

Abraço

Tom disse...

Atena,

rsrsrs

Poxa, meu violão também tem nome: Blu (sim. ele é azul! =D ). Volte a procurar o Maneco, ele vai gostar! ^^

Abraço

Tom disse...

"Anjo, que ótimo diário mesmo!
É lindo observar o quanto um instrumento ilumina uma vida.
Amo-te.
=*
Thai"

É lindo observar o quanto vc ilumina a minha vida!
Amo-te

=*

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Clavedelua. Tecnologia do Blogger.